Stock Car: Nelsinho Piquet terá o holandês Robin Frijns como convidado em sua estréia

Turismo |
28 de fevereiro de 2018

Brasiliense volta a disputar uma temporada no Brasil após 16 anos e assume o carro #33 preparado pela equipe Full Time com as cores da Texaco

 

Depois de 16 anos, muita quilometragem, vários troféus e uma porção de títulos conquistados no exterior, Nelsinho Piquet volta a disputar um campeonato no Brasil –e logo o maior deles. O brasiliense estreia no próximo dia 10 de março como piloto regular da Stock Car na Corrida de Duplas pela equipe Full Time em Interlagos. Ele vai pilotar o carro #33, levando a marca da Texaco como patrocinadora máster.

Em sua primeira participação como piloto regular da Stock Car, Piquet terá Robin Frinjs como convidado para a prova de abertura do ano.

Adversário de Nelsinho em duas temporadas da FIA Fórmula E, o holandês de 26 anos trabalhou dois anos de piloto de teste na F1 após trajetória vitoriosa em carros de fórmula (foi campeão da F-BMW, F-Renault Europeia e F-Renault 3.5). A seguir passou a se dedicar aos carros de GT, também com resultados expressivos: correndo pela equipe de fábrica da Audi, conquistou em 2015 e 2017 os títulos no Blancpain GT Series, campeonato que sucedeu o Mundial de GT da FIA.

Será uma jornada de aprendizado para a tripulação do carro #33.

É a estreia de Piquet na categoria e também a primeira vez de Frinjs no Brasil e na categoria.

“Será minha primeira viagem ao Brasil e a primeira vez que piloto um Stock Car”, disse Frinjs. “Estou muito animado em trabalhar com o Nelson, a quem conheço obviamente da Fórmula E. Será um grande cara para compartilhar o carro. Nunca fui a Interlagos, então sei que terei de aprender as coisas bem rápido. Mas estou bastante motivado para competir e desfrutar das atividades do fim de semana.”

Além de uma participação pela extinta Copa Montana com segudo lugar em Curitiba em 2010, Piquet foi protagonista de todas as edições da Corrida de Duplas da Stock Car, competindo como convidado de Átila Abreu. Na primeira realização da prova, em 2014 em Interlagos, registrou na tomada de tempo a melhor volta do fim de semana considerando todos os competidores do grid. No ano seguinte cravou a pole em Goiânia. E em 2016 foi o recordista de ultrapassagens em Curitiba, com o carro largando em último no grid e terminando em sexto.

“Espero um grande fim de semana na abertura da Stock Car. Estou animadíssimo em competir novamente no Brasil, defendendo uma equipe campeã e com as cores de um dos mais tradicionais patrocinadores da categoria. Agradeço à Texaco e à Full Time pela confiança e vou trabalhar duro para corresponder na pista. A Corrida de Duplas é um grande show e desperta muito interesse nos pilotos estrangeiros. Participei de todas e sempre falei muito bem do evento nas outras categorias onde participo. Quando convidei o Robin ele aceitou na hora e acho que temos quilometragem e versatilidade suficientes para buscar um bom resultado”, disse Piquet.

Campeão Mundial na primeira temporada da Fórmula E, campeão da F-3 Britânica, campeão da F-3 Sul-Americana e tricampeão brasileiro de kart, Nelsinho é o único piloto do País com vitórias na Nascar e em eventos de primeira linha de rallycross. Vice-campeão da GP2 em 2006, ele foi o primeiro brasileiro a vencer na categoria, no ano anterior, e o único a vencer na A1GP. Piquet é também o único brasileiro a ter frequentado pódios dos três principais campeonatos chancelados pela FIA em pistas de asfalto: F1, WEC e Fórmula E.

Assessoria de Imprensa Nelson Ângelo Piquet

Foto: Frinjs/FIA Formula E e Piquet/Full Time-Divulgação



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: