Sprint Race: definição ficou para a final, com a pontuação dobrada

Turismo |
26 de novembro de 2015

Felipe Lobo/Billy Zonta e Gustavo Kiryla são os líderes na tabela do campeonato da categoria PRO e concentram-se na busca pela vitória em Interlagos

Felipe Lobo e Billy Zonta tiveram na última etapa, no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais, as primeiras chances para assegurar o título inédito da Sprint Race Brasil. Para isso, os líderes da temporada 2015 saíram da rodada da sétima etapa no autódromo paranaense com uma vantagem de 17 pontos do vice colocado Gustavo Kiryla. Na etapa final, dia 19 de dezembro no Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos, serão duas corridas com pontuação dobrada.

O piloto catarinense garante que todo o esforço foi um grande aprendizado. “O ano de 2015 foi muito especial, nosso ano de estreia na categoria e conseguimos ser líderes do campeonato o ano inteiro, mesmo carregando os 55 quilos, onde perdemos cerca de um segundo para os concorrentes. Porém, conseguimos manter o foco no campeonato e pontuar ao máximo possível em todas as etapas”, comenta o piloto.

A dupla do carro #27 mantém a liderança desde a primeira etapa no circuito do Tarumã, no Rio Grande do Sul, quando Billy venceu a primeira corrida do ano. “Quem ganha campeonato não é aquele piloto que vence mais e sim aquele que pontua mais. Parece ser uma frase errada, mas mesmo com apenas uma vitória e três pódios estamos na frente de duplas que venceram três vezes e foram ao pódio pelo menos cinco vezes”, ressalta Felipe.

Agora os pilotos adotam cautela e evitam o “já vencemos” com a aproximação da conquista. “O grande objetivo é de fecharmos o ano como campeões, é claro, mas sabemos que na etapa de São Paulo com duas corridas muita coisa pode acontecer, porque uma decisão é sempre tensa, como vemos são cinco ou seis pilotos com chances reais de vencer as baterias. Então vamos manter os pés no chão e focar em cada detalhe para não perder pontos preciosos. Vamos seguir focados em manter nossa liderança e somar o máximo de pontos (dobrados) para ficar na melhor situação possível”, disse Lobo que conta com 217 pontos.

Nesse reta final do campeonato, Felipe e Billy enfrentam mais um grande desafio. “O Billy no meio do ano teve problemas sérios de saúde, tendo que fazer duas etapas (Curitiba oval e Cascavel) com muita dificuldade e quase não conseguiu concluir as provas e, nessa última etapa em Curitiba não conseguiu correr. Espero que em São Paulo o Billy se recupere há tempo para que possamos disputar juntos o titulo da Sprint Race”, disse Felipe Lobo.

“Quero agradecer os patrocinadores e apoiadores que durante todo esse ano de crise não desistiram do projeto e me ajudou muito a chegar onde estou agora, a Koerich, Kredilig, Grupo Taborda, família e amigos”, completa Felipe Lobo.

Logo em seguida na tabela de classificação da PRO vem Gustavo Kiryla que garante: “Darei trabalho aos líderes”. O piloto de Curitiba já está focado na etapa de São Paulo. “Estou pronto! Interlagos é uma pista que gosto muito e a disputa das duas próximas corridas prometem fortes emoções. Estarei sem lastro, por isso não vou ter problema nenhum de desempenho com relação aos demais competidores”, finaliza o piloto do SR#94 que soma 210 pontos na tabela de classificação.

Kiryla participa da segunda temporada na categoria. “As perspectivas eram de disputar bem o campeonato até o final do ano, ganhar algumas corridas e consegui atingir este objetivo. Este ano a Sprint Race está muito mais forte do que a edição passada. Assim me sinto muito feliz por conseguir estar entre os primeiros. Como vice líder são algumas etapas e tenho chances muito boas de garantir o título na última do ano”, enfatiza.

“Tenho reforçado a preparação física e treinado com kart que me ajuda a estar em um nível bom. Espero que tudo dê certo, pois garantir o título é o que mais quero no momento!”, finaliza Gustavo Kiryla que tem o patrocínio da Oeste Insulmos, Skål e Companhia Athletica Curitiba.

Programação da oitava e última etapa da Sprint Race:

Sexta, dia 18/12
08h45 às 09h25 – 1o. Treino OFICIAL
13h00 às 13h40 – 2o. Treino OFICIAL
15h00- Estudo de telemetria
16h00 às 16h30 – Classificatório único individual
17h30 – Briefing

Domingo, dia 19/12
09h30 – Alinhamento dos carros
10h25 – Placa de 5 minutos
10h30 – Saída para volta de aquecimento + 23 min + 1 volta
14h30 – Alinhamento dos carros
15h30 – Placa de 5 minutos
15h35 – Saída para volta de aquecimento + 23 min + 1 volta
16h30 – Pódio

Classificação do Campeonato da Sprint Race, após a sétima etapa (14 corridas):

Categoria PRO
1) 27-Billy Zonta/ Felipe Lobo, 217
2) 94-Gustavo Kiryla, 210
3) 17-Pietro Rimbano, 209
4) 79-Flávio Lisboa/ Caito Vianna, 202
5) 85-Enzo Bortoleto, 193
6) 10-Berlanda Jr/ Lucas Villela, 187
7) 4-Luiz Santos/ Lucas Gohr, 133
8) 77-Luca Milani, 124
9) 94-Marco Garcia, 98
10) 14-Gustavo Martins, 45
11) 1-Gaetano Di Mauro, 25

Categoria GP
1) 44-Kau Machado, 293
2) 8-Fábio Brecailo, 280
3) 36-Felipe Rabello/ Matheus Marini, 227
4) 39-Eduardo Serratto/ Marcelo Rodriguez, 179
5) 7-Vinícius Margiota, 174
6) 55-Osman Didi, 151
7) 55-Caê Coelho, 126
8) 44-Rodrigo Gil, 112
9) 7-Rodrigo Matos, 94
10) 78-Marcus Peres/Lucas Peres, 62
11) 1-Roberto Milani, 26

 

 

Texto: Silvana Grezzana Santos
Foto: Luciano Santos/SigCom



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: