TV/Reality Show: Escola de Pilotos continua nesta terça-feira (17/5)

Outros |
16 de maio de 2016

O canal +Globosat mostra o terceiro capítulo do Reality Show. Nesta terça-feira, a família Piedade mostra que não vive só de preparação de carros de corrida e curso de pilotagem, e tem que gerenciar o Kartódromo de Interlagos

Nesta terça-feira (17/5) terá a continuidade do reality show “Escola de Pilotos”, com o episódio “Turbulência”, as 21 horas, no canal +Globosat (34 na Sky e 44 da Net), com reprise na quarta-feira, as 12 horas.

Em cada um dos 13 episódios semanais, com 30 minutos de duração é possível acompanhar os bastidores do automobilismo através da acelerada rotina da família Piedade. Além da tradicional Escola de Pilotagem Alpie, Aldo, Emerson, Aldo Junior e Erika Piedade também cuidam da fábrica de componentes para carros de competição, da equipe de competições, tanto de carro quanto de kart, além de pilotarem em algumas corridas. Então, o telespectador pode sentir o que é viver a alegria, a tensão, as amarguras e toda a turbulência do dia a dia de adrenalina e velocidade.

No primeiro episódio “É dada a largada” a família Piedade mobilizou toda a sua equipe de profissionais no ajuste dos carros para a primeira prova da temporada. Além de lidar com os problemas eventuais dos carros, a família ainda teve que achar tempo para comemorar o aniversário da neta caçula de Aldo Piedade. Foi uma corrida contra o tempo.

No segundo episódio, intitulado “De volta às Aulas”, após o início da temporada de corridas, a Alpie retornou à sua rotina de cursos teóricos e práticos de pilotagem. É um negócio da família Piedade, mas o que eles querem mesmo é oferecer aos alunos a emoção de pilotar um carro em alta velocidade, no ‘templo’ do automobilismo nacional. Os irmãos Emerson, Júnior, Érika e os mecânicos empenham-se ao máximo para proporcionar a melhor experiência aos alunos em Interlagos.

O terceiro capítulo, nominado “Turbulência”, mostra que nem só de corrida e curso de pilotagem vive a família Piedade. Como forma de aumentar seus rendimentos e manter vivo o espírito automobilístico, eles também gerenciam o Kartódromo de Interlagos. Porém, o atendimento ao público, neste caso, não é tão ‘simples’ como pilotar.



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: