Rubens Barrichello é o campeão do Sul-Americano de kart Rotax 2015

Kart |
6 de julho de 2015

Com a vitória, brasileiro disputará campeonato mundial de kart em novembro

O atual campeão da Stock Car faturou mais um título este fim de semana. Rubens Barrichello venceu o Campeonato Sul-Americano de kart Rotax na categoria DD2 e assim assegurou sua vaga para o Mundial de Kart, disputado em novembro em Portugal.

O ex-piloto da F1 largou na prova final em segundo, mas assumiu a liderança logo na primeira curva. Com uma pilotagem segura e tranquila, Barrichello foi abrindo vantagem a cada volta. 17m49s080 foi o tempo suficiente para o paulista completar as 20 voltas da provas e conquistar o título com direito a volta mais rápida. Na 17 ª passagem, o campeão cravou 53s011, com velocidade média de 83,529 km/h.

Além de Rubinho, seu filho Fernando Barrichello competiu na categoria Mini Max ficando com o sexto lugar. Eduardo Barrichello, o outro filho de Rubinho a participar da competição, conquistou o 10º lugar na categoria Júnior Max.

Sobre a experiência de ser piloto e pai ao mesmo tempo, Rubinho conta a rotina: “O kart é fantástico é o mais perto que se tem de diversão e competição. E aqui eu sou piloto, ajudo com os engenheiros para arrumar o kart, oriento os meus filhos. É uma correria, não paro”.

Este é o segundo título de Rubinho em um Sul-Americano de Kart. O primeiro foi conquistado em 1987. Após o pódio, Rubinho falou da felicidade e emoção em vencer aos 43 anos de idade. Sobre a vaga para o Mundial de Kart, Barrichello é enfático: “Vou estar em Portugal, será uma honra participar desta competição”.

A Rotax Max Challenge Grand Finals, ou simplesmente Mundial de Kart é uma competição conhecida e valorizada por pilotos de diversas categorias por ser justamente no kart onde todos começaram. Até o maior nome do automobilismo brasileiro, Ayrton Senna buscou o título do Mundial. Ele teve a oportunidade de disputar a competição em 1977, 1978 e 1980; sendo superado pelo italiano Felice Rovelli, o norte-americano Lake Speed e pelo holandes Peter De Brijin, respectivamente. Senna chegou ao vice em 1979, mas mesmo assim ele dizia que uma de suas maiores frustrações da carreira era não ter sido campeão do mundo de kart. Em suas palavras‘é o primeiro lugar ou nada’.

A última e única vez que um brasileiro venceu o Mundial de Kart foi com Guga Ribas em 1986. Barrichello vai para a Portugal com o desafio de quebrar o tabu brasileiro que já dura 29 anos.

Texto: Juliana Bechelli – ClickSpeed

Foto: Divulgação



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: