Rodrigo Baptista vence novamente em Interlagos pela Porsche Império GT3 Cup

Turismo |
5 de maio de 2017

Líder da classe Challenge, Marçal Müller é o pole da Challenge

 

A sexta-feira foi dos líderes na Porsche Império GT3 Cup em Interlagos.

Com direito a pole position e melhor volta da prova, Rodrigo Baptista liderou de ponta a ponta e venceu pela segunda vez no ano pela classe Cup, enquanto na Challenge Marçal Müller foi o mais veloz na tomada de tempo, garantindo sua segunda pole em duas provas no ano.

Foi uma jornada atípica em São Paulo, com a programação recheada em virtude da chuva que abreviou a segunda prova da Cup na abertura da temporada em Curitiba.

E novamente entrou água na programação do evento. As sessões de treino da manhã acabaram prejudicadas pela pista encharcada, mas à tarde secou e os carros conseguiram acelerar com pneus slick fornecidos pela Michelin.

Neste sábado acontece a prova da Challenge, a tomada de tempo da Cup e mais duas baterias de 25 minutos mais uma volta com os carros da principal categoria.

O livetime da Porsche Império GT3 Cup cobre todas as atividades ao vivo a partir das 9h. As provas são exibidas pelo canal oficial da categoria no Facebook, no Youtube e pelo portal Grande Prêmio.

 

Cup

A Corrida

Depois de estabelecer a pole com quase meio segundo de margem, Rodrigo Baptista segurou a liderança na largada, seguido por Lico Kaesemodel, Ricardo Baptista e Pedro Queirolo. Miguel Paludo foi o nome da primeira volta, saltando de sétimo para quinto. Fernando Fortes caiu de quinto para sexto, mas sustentou a liderança na classe Sport, enquanto em nono, Carlos Ambrósio liderava na Master.

Na quarta volta, Queirolo colou em Ricardo Baptista na disputa pelo terceiro lugar, mas o bicampeão foi hábil ao posicionar o carro #27 numa linha defensiva para se defender.

Na volta 7, Adalberto Baptista, Werner Neugebauer e Marcel Visconde travaram belíssima disputa pelo sétimo lugar. Logo à frente, Fortes pressionava Paludo.

Na décima volta Carlos Ambrósio sofreu com um pneu furado, deixando a liderança na Master para Guilherme Figueirôa.

A cinco minutos da bandeirada, Rodrigo Baptista vinha tranquilo em primeiro. Já havia feito a melhor volta e estava 5s à frente de Lico, que vinha mais 3s à frente de Ricardo Baptista. Maurizio Billi ultrapassou Figueirôa pela liderança na Master, e o carro #9 acabou depois escapando no fim da reta após contato com o muro interno.

Nas voltas finais as posições no top5 continuaram inalteradas, mas Edu Azevedo e Marcel Visconde duelavam no fim da reta, com o carro #88 levando a melhor no contorno do S do Senna.

A prova acabou com vitória de Rodrigo Baptista no geral, Fortes na Sport e Billi na Master.

 

Challenge

O quali

Marcus Vario e Eloi Khouri começaram o quali mostrando força. Logo na segunda volta lançada, os dois andaram na casa de 1min42s0 e trouxeram seus carros para os pits poupando pneus para o Q2. Nando Elias, com o quarto tempo, já sinalizava que seria o nome a ser batido na classe Sport. Marçal Müller precisou de oito voltas e avançou para a disputa da pole com o sexto tempo.

Luca Seripieri fechou o top10 com a marca de 1min43s655, superando Pedro Costa por apenas 14 milésimos.

No Q2 Marçal foi preciso para baixar sua marca a 1min41s835. Vario bem que tentou repetir a liderança da primeira sessão, mas teve que se contentar com a posição por fora na primeira fila. Em terceiro parte Khouri, cujo giro mais rápido ficou a apenas 18 milésimos da marca do ítalo-panamenho. Rodrigo Mello é o quarto, uma posição à frente de Nando Elias, o pole na classe Sport.

 

Declarações dos pilotos

“Foi uma prova muito boa. Conseguimos a pole e acertar o carro bem. Foi meio que largar, não se envolver em confusão nenhuma e abrir o máximo possível e, depois, administrar a corrida”

Rodrigo Baptista, vencedor da corrida de líder do campeonato da Cup

 

“A corrida foi legal, a largada foi boa, não teve acidenta na primeira curva, conseguimos passar bem. Rodrigo estava muito rápido, tentei acompanhá-lo, o tio dele também estava rápido, me pressionando. Mas então passaram a pressionar o Ricardo e consegui abrir um pouco. Peguei meu ritmo e foi até o fim. Foi uma corrida meio solitária, mas administrando. No começo o carro estava bom, mas depois não estava. Vamos ver para amanhã, tem outro quali e recomeçar tudo de novo. Foi positivo ter assumido o segundo lugar no campeonato”

Lico Kaesemodel, Segundo colocado na prova

 

“Me senti orgulhoso de bater de igual para igual com um adversário do currículo do Miguel Paludo, e eu não errei também. Vi que ele é preciso. Fiquei muito orgulhoso de bater roda com ele. Estou muito feliz com a disputa hoje”

Fernando Fortes, vencedor na Cup Sport

 

“Foi um dia atípico, treinamos no molhado, corremos no seco. Então, não tínhamos muitos parâmetros. A corrida foi muito boa, com umas brigas boas. Graças a Deus, deu tudo certo no fim”

Maurizio Billi, vencedor na Cup Master

 

“Eu me dediquei muito para essa temporada. Graças a Deus, eu consegui viabilizar minha participação devido aos meus patrocinadores. Está sendo uma surpresa para mim esse bom desempenho, mas acho que isso deve muito ao carro, que é muito seguro. A gente se sente muito seguro para acelerar. Estou muito feliz. Vamos com tudo para tentar defender a liderança desse campeonato.”

Marçal Müller, pole da Challenge

 

Preciso continuar fazendo o que estou fazendo. Tirar o máximo do carro e o máximo de mim e tentar passar e ficar na frente até o fim com o que aprendi aqui. Espero que eu consiga trazer a primeira vitória”

Eloi Khouri, terceiro no grid da Challenge

 

“A intenção é chegar lá na frente na geral, mas estou muito feliz por ter feito a pole na Sport. Lá em Curitiba, eu mandei bem nos treinos livres, mas chegou na classificação não fui bem, larguei em 14. Agora, em quinto no geral, e pole na Sport. A gente tem um caminho bacana para ganhar a corrida amanhã. Se Deus quiser, vai dar tudo certo”

Nando Elias, pole na Challenge Sport e quinto no grid

 

Resultados

Cup – Corrida extra

  1. Rodrigo Baptista
  2. Lico Kaesemodel
  3. Ricardo Baptista
  4. Pedro Queirolo
  5. Miguel Paludo
  6. Fernando Fortes (S)
  7. Werner Neugebauer
  8. Dudu Azevedo
  9. Marcel Visconde (S)
  10. Maurizio Billi (M)
  11. Marcio Mauro (M)
  12. Tom Valle (M)
  13. Marcio Basso (S)
  14. Cleber Faria (S)
  15. Cristiano Piquet (S)
  16. Adalberto Baptista (S)
  17. Vanue Faria (S)
  18. Ramon Alcaraz (M)
  19. Marcelo Stallone (M)
  20. Guilherme Figueirôa (M)
  21. Carlos Ambrósio (M)
  22. JP Mauro
  23. Darío Giustozzi (M)

 

Challenge – Quali

  1. Marçal Müller 1min41s835
  2. Marcus Vario 1min42s094
  3. Eloi Khouri 1min42s112
  4. Rodrigo Mello 1min42s638
  5. Nando Elias (S) 1min42s824
  6. Tom Filho 1min43s369
  7. Marcus Peres (S) 1min43s463
  8. Ronaldo Kastropil 1min43s504
  9. Luca Seripieri (S) 1min44s549
  10. Odair Santos 1min45s642
  11. Pedro Costa (S) 1min43s669
  12. Guilherme Reischl (S) 1min44s043
  13. Pablo Delponte (S) 1min44s051
  14. Mauricio Salla (S) 1min44s093
  15. Marco Billi (S) 1min44s240
  16. Francisco Horta (S) 1min44s690
  17. Paulo Totaro 1min45s397
  18. Marcelo Parodi (S) 1min45s516

Assessoria de Imprensa Porsche GT3 Cup Challenge

Fotos: Sandro de Souza / Infinity Photo



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: