RCHLO Racing encerra primeira temporada da Porsche GT3 Cup em Interlagos

Turismo |
26 de novembro de 2018

Em sua estreia na categoria time conquistou o título da Carrera Cup 4.0 Sprint com Werner Neugebauer e alcançou resultados expressivos em cada etapa

 

Foi uma primeira temporada eletrizante, que encerrou a temporada da RCHLO Racing com o título da Carrera Cup 4.0 Sprint, somando três vitórias e pódio em todas as em seis etapas de rodada dupla. Companheiro de Werner, Patrick Choate também fez seu debut na categoria e finalizou a GT3 Cup 3.8, na terceira colocação com nove pódios durante o ano.

O gran finale aconteceu na etapa deste sábado (24), em Interlagos (SP), com a terceira e última etapa da Endurance Series – 500 Km, que levou mais de 10 mil pessoas ao autódromo mais badalado do Brasil, onde Neugebauer em dupla com Sérgio Jimenez liderava a competição e Choate formou um trio com Urubatan Helou Jr. e Marcelo Brisac.

Apesar da última etapa não ter saído como planejado, o diretor do projeto Eros Narloch, da agência Somoz, exalta todas as conquistas. “Foi um ano de muito trabalho, pois esta foi à temporada de estreia da equipe e podemos classificar como muito positiva. Conquistamos o título da categoria mais competitiva a Carrera Cup 4.0, fomos ao pódio em 90% das etapas, tanto com o Werner, quanto com o Patrick, lotamos Interlagos e Goiânia, com as campanhas de marketing de relacionamento envolvendo 35 lojas RCHLO das regiões. Na visitação, fizemos a promoção quer ‘Quer Mais Velocidade’, onde o público recebia um card autografado dos pilotos e um cupom com vale desconto. Isso tudo foi extremamente positivo. Foi uma pena não conseguirmos o título da Endurance, mas isso é algo que já tratamos de deixar para trás. Agora é planejarmos mais uma grande temporada 2019”, analisou.

A CORRIDA – 500 Km

Largando na sexta colocação Neugebauer e Jimenez tinham 37 pontos de vantagem sobre os segundos colocados Lico Kaesemodel e Ricardo Zonta, e a prova de 4h30min ou 117 voltas prometia uma disputa acirrada pelo título.

Na largada, o pole Nonô Figueiredo manteve a liderança, mas de imediato sofreu o ataque de Felipe Fraga, que logo assumiu a liderança. Na quinta volta, Nelsinho Piquet teve um contato com Werner, e o carro ficou dianteiro, o que o fez perder dois postos, para o próprio Neugebauer e Nonô.

Após o pit stop, o piloto da RCHLO Racing permaneceu na pista assumindo a liderança na 20ª volta. Após o segundo pit stop as primeiras colocações tinham Gaetano Di Mauro, Cacá Bueno, Neugebauer e Zonta nas quatro primeiras colocações.

Com 40 voltas, um pouco mais de um terço de corrida, Neugebauer fez a troca de pilotos com Jimenez, depois de um contato com Sylvio de Barros. Com o incidente, o carro #8  foi penalizado com um drive-thru. Acabava ali a chance do carro da RCHLO conquistar a trinca, com os títulos de sprint, endurance e overall. O trio da RCHLO também sofreu um abandono.

Porsche Cup Endurance Series – Interlagos – 500 km:

  1. Nonô Figueiredo/Gaetano di Mauro 3h42min58.271
  2. Marcel Coletta/Felipe Fraga +15.003
  3. Murilo Coletta/Marcos Gomes +19.216
  4. Lico Kaesemodel/Ricardo Zonta +1min03.115
  5. Miguel Paludo/Justin Allgaier +1min19s804
  6. Daniel Schneider/Nelson Piquet Jr +1min37s110
  7. Pedro Queirolo/Vitor Baptista e Fernando Fortes -1 volta
  8. Rodolfo Toni/Danilo Dirani (S) -1 volta
  9. Luca Seripieri/Marçal Müller (S) -1 volta
  10. Carlos Ambrósio/Popó Bueno (S) -1 volta
  11. Dominique Teyssere/Fabio Carbone (S) -1 volta
  12. Werner Neugebauer/Sergio Jimenez -1 volta
  13. Rouman Ziemkiewicz/Eloi Khouri (S) -1 volta
  14. Matheus Coletta/Dennis Dirani * -3 voltas
  15. Guilherme Salas/Kreis Jr e Pedro Aguiar * -3 voltas
  16. Carlos Renaux/Matheus Iorio* -4 voltas
  17. Ricardo Baptista/Lucas di Grassi e Bruno Baptista -4 voltas
  18. William Freire/Chico Horta * -5 voltas
  19. Renan Guerra/Paulo Totaro e Artur Ramos *(S) -5 voltas
  20. Ramon Alcaraz/Marcio Mauro *(S) -6 voltas
  21. Maurizio Billi/Marco Billi *(S) -6 voltas
  22. Enzo Bortoleto/Eduardo Menossi* -7 voltas
  23. Sun Moodley/Andrew Culbert e Manogh Maharaj *(S) 1.40.977 -9 voltas
  24. Urubatan Jr/Patrick Choate e Marcelo Brisac *(S) -10 voltas
  25. Andre Gaidzinski/Kleber Barcellos *(S) 1.40.705 -12 voltas

Os campeonatos de endurance 4.0

1. Lico Kaesemodel, 182

Ricardo Zonta, 182

2. Nonô Figueiredo, 170

3. Miguel Paludo, 168

4. Sérgio Jimenez, 165

Werner Neugebauer, 165

3.8 Sport

1. Maurizio Billi, 217

2. Marco Billi, 217

3. Patrick Choate, 187

Este é um projeto incentivado pela Lei 1.924/92 – Estadual de Incentivo ao Esporte, da Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude – SEELJE, do Estado do Rio de Janeiro.

Foto: Bruno Terena/MS2



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: