Na Granja Viana, Rafa Câmara foi ao pódio com equipe TR3

Kart |
17 de agosto de 2015

Piloto pernambucano foi ao pódio nas categorias Mini Max e Cadete

Neste sábado (15) o Kartódromo Internacional Granja Viana, em Cotia, recebeu as atividades da primeira prova do segundo turno da Copa São Paulo Granja Viana de Kart. O piloto Rafael Câmara (Gmax Corp | TR3), do Recife, em sua “nova casa”, competiu nas categorias Cadete e Rotax Mini Max alcançando o pódio em ambas as disputas.

A participação de Câmara teve início nos treinos livres que, desde a quinta-feira (13) agitaram a pista da cidade de Cotia. Ainda em período de adaptação ao novo time Rafa se dedicou muito em assimilar o sistema de trabalho do novo time e ouvir as orientações e dicas do novo chefe de equipe, Waltinho Travaglini.

A tomada de tempos foi disputada na tarde de sexta-feira. Rafa, competindo em duas classes, tinha de se desdobrar entre o acerto de cada um dos chassis que utilizam motores bastante diferentes. Câmara, com problemas, registrou o tempo de 41s369 e ficou apenas com o décimo lugar na categoria Rotax Mini Max. Pela Cadete, com 44s406 ele foi o quinto mais veloz e garantiu assim o direito de largar da terceira fila do grid.

Insatisfeito com as posições de largada, mas, principalmente ciente do equipamento que tinha em mãos, Rafinha se concentrou bastante e foi para as corridas disposto a se recuperar e buscar um lugar no pódio. Ambas as categorias foram disputadas em sistema de rodadas duplas e Câmara, com muita garra, garantiu o seu espaço.

Pela Cadete, dois segundos lugares, serviram para mostrar ao piloto que ele segue bastante competitivo e muito rápido. Na primeira corrida ele cruzou a linha de chegada lado a lado com o vencedor e, na segunda, também esteve praticamente ao lado do vencedor.

Já na Mini Max, Rafa conseguiu grande recuperação. Nas 15 voltas da corrida ele conseguiu se recuperar, chegar às disputas do primeiro pelotão e receber a bandeirada na quarta posição, por uma diferença de menos de um segundo para o vencedor. Na segunda corrida, mais uma vez, as provas foram extremamente intensas. Os cinco primeiros colocados se revezaram na pista durante corrida e, ao fim das 18 voltas da prova, estavam separados por apenas quatro décimos. Câmara cruzou a linha de chegada na terceira posição.

“A mudança de equipe, apesar de fazer uma grande diferença neste momento da carreira de Rafa, é natural e tem de ser encarada como um processo de alteração. Rafa andou bem, foi extremamente competitivo e, por muito pouco, não ganhávamos corridas nas duas categorias. Estou satisfeito com o trabalho que desenvolvemos e vamos com foco e determinação para as corridas do Light, na semana que vem”, comentou Waltinho Travaglini.

Texto: Flávio Quick
Foto: Lydia Reis



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: