Mercedes-Benz Challenge: retorno a Goiânia acirra disputas

Turismo |
14 de agosto de 2015

Autódromo Internacional Ayrton Senna foi palco da primeira etapa do ano e volta a sediar uma corrida da competição

O Mercedes-Benz Challenge retorna neste domingo (16) ao palco da primeira corrida da temporada 2015, que, foi marcada por uma das mais emocionantes disputas do ano. Depois de abrir o campeonato, o Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO), recebe a quinta etapa da competição. Com isso, inicia-se também a segunda metade da temporada, que este ano contará com oito provas.

Apesar de ter vencido em Goiânia, o líder da categoria CLA AMG Cup, Adriano Rabelo, vive momentos de tensão pelo crescimento dos rivais nas últimas provas, em especial dos gaúchos Pierre Ventura e Fernando Júnior, vencedores das duas últimas etapas, realizadas em Curitiba (PR) e Santa Cruz do Sul (RS), respectivamente.

A categoria C 250 Cup promete levar a disputa pelo título até a última volta da corrida final da temporada. Com vencedores diferentes em cada etapa, a competição vê surgir a cada prova um novo candidato ao título. Além de ter um vencedor diferente por corrida, o torneio tem no capixaba Betinho Sartório o terceiro nome a ocupar a dianteira na pontuação.

Sartório assumiu a ponta ao vencer a terceira etapa (Curitiba). O piloto de Vitória tem em sua equipe – a Paioli Racing – outros nomes com potencial para entrar na briga pelo título. E, em Goiânia, o líder terá no próprio box rivais que já mostraram competência naquele traçado: a dupla Marcos Paioli/Peter Gottschalk foi a vencedora da etapa de abertura e tentará no próximo domingo retomar a liderança da competição.

Classificação do Mercedes-Benz Challenge após quatro etapas:
CLA AMG CUP

1 – Adriano Rabelo, 68 pontos
2 – Fernando Júnior, 60 pontos
3 – Cristian Mohr, 47 pontos
4 – Pierre Ventura, 44 pontos
5 – Arnaldo Diniz Filho, 39 pontos
6 – Cesare Marrucci, 30 pontos
7 – Cesar Fonseca, 27 pontos
8 – Neto De Nigri, 26 pontos
9 – Carlos Kray, 25 pontos
10 – Peter Ferter, 25 pontos
11 – Roger Sandoval, 22 pontos
12 – Victor Amorim/Fernando Amorim, 18 pontos
13 – Luiz Carlos Ribeiro e Fernando Poeta, 17 pontos
14 – Marcelo Hahn e Guilherme Daudt, 13 pontos
15 – Rodnei Felício e Danilo Pinto, 9 pontos
16 – Betão Fonseca, 8 pontos
17 – Otávio Mesquita, 7 pontos
18 – Fernando Fortes, 4 pontos
19 – Paulo Totaro, 3 pontos
20 – Lorenzo Varassin/Paulo Varassin, 3 pontos

C 250 CUP
1 – Betinho Sartório, 63 pontos
2 – Luiz Sena Júnior/Cleiton Campos, 57 pontos
3 – Marcos Paioli/Peter Gottschalk e Márcio Basso, 54 pontos
4 – Peter Michel Gottschalk, 42 pontos
5 – Christian Germano, 39 pontos
6 – Max Mohr, 30 pontos
7 – Flavio Andrade, 29 pontos
8 – Beto Rossi e Edson Ferreira, 28 pontos
9 – Claudio Simão, 18 pontos
10 – Theo De Nigris/Thiago De Nigris, 16 pontos
11 – Bruno Mesquita, 11 pontos
12 – Roberto Santos, 9 pontos
13 – Maurício Lund, 8 pontos

Texto: Rodolpho Siqueira
Foto: Fabio Davini



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: