Mercedes-Benz Challenge: estreantes no grid aprovam primeira corrida da temporada

Turismo |
8 de abril de 2016

Paraná passa a ter mais um representante no grid com André Varassin

O Mercedes-Benz Challenge ganhou quatro novos competidores em 2016. A categoria começou sua sexta temporada com 31 carros inscritos e apresentou na prova de Curitiba os novos nomes que agora fazem parte do grid.

Os goianos, que recebem no mês de maio a segunda etapa da temporada, poderão torcer por um piloto local a partir deste ano, em razão da estreia de Renato Braga. Em sua quinta temporada no automobilismo, o piloto de Goiânia costumava disputar competições regionais em seu estado e nas duas últimas temporadas correu o Campeonato Brasileiro de Turismo. A chegada ao Mercedes-Benz Challenge pela categoria CLA AMG Cup é vista por ele como uma excelente oportunidade de aprendizado, além de dar grande visibilidade à sua carreira.

“Gostei muito do carro e da categoria. Como tenho alguns amigos que já disputam o campeonato faz algum tempo, como o Fernando Fortes, disse a eles que gostaria de fazer alguns testes antes de me inscrever. Não tem como não gostar deste modelo. O CLA 45 AMG é seguro, empolgante de guiar e tem um motor muito potente, que garante prazer aos pilotos”, declarou. Na etapa de abertura da temporada, Braga chegou na 12a posição, logo à frente do atual campeão da categoria, Fernando Jr.

São Paulo ganha mais dois representantes – O estado de São Paulo passará a ter mais dois representantes no grid do Mercedes-Benz Challenge em 2016. Morador de Birigui – cidade de pouco mais de 100 mil habitantes, localizada no oeste da capital paulista -, Fabio Escorpioni disputa neste ano seu primeiro campeonato nacional de automobilismo.

Piloto de kart desde 2012 começou a participar de track days no ano passado e escolheu a C 250 Cup para o seu primeiro contato com competições. “Além de ter à minha disposição um veículo seguro, acredito que esta seja a categoria ideal para um estreante. O carro é tranquilo de guiar e o evento é bem estruturado. Estou totalmente satisfeito”, declarou o piloto do interior paulista, que concluiu a etapa de abertura da competição na sexta posição entre os competidores da C 250 Cup.

Outra estreia ocorrida na divisão de entrada do Mercedes-Benz Challenge foi a de Ydenis Souza, piloto de São Paulo. Ele começou sua carreira no automobilismo no início dos anos 2000 em categorias de velocidade na terra. Além de ter disputado o Campeonato Paulista de Automobilismo, foi vice-campeão brasileiro de Marcas e do DTCC antes de estrear na C 250 Cup. “Estou de volta a um torneio nacional e escolhi o Mercedes-Benz Challenge por tudo o que ele oferece: carro rápido e seguro, além de um evento de primeira. Estou muito feliz por estar aqui”, finalizou.

Paraná em família – O início da temporada de 2016 também marcou a presença de mais um paranaense no grid. André Varassin, um dos novatos da C 250 Cup, seguiu os passos do irmão mais velho, Lorenzo, e do pai, Paulo (que correm juntos na CLA AMG Cup), e passou a competir no torneio da Mercedes-Benz. Ele começou sua carreira disputando provas regionais em Curitiba e em seguida participou de corridas de longa duração, além de competições de kart.

“Andei bem na estreia, apesar da corrida não ter terminado como eu gostaria. Tive tempo suficiente para perceber que temos uma categoria muito bem organizada e disputada. Cada detalhe pode resultar na conquista ou na perda de uma posição, por isso acredito que a temporada seja muito equilibrada”, encerrou Varassin, que abandonou a prova quando restavam apenas cinco voltas para o final.

O quarteto de estreantes que disputou a primeira etapa da temporada de 2016 poderá aplicar as lições aprendidas na estreia na etapa de Goiânia, que será realizada no dia 22 de maio no Autódromo Ayrton Senna. Até lá, todos eles programam ao menos um dia de testes particulares nas próximas semanas.



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: