Lugar de mulher é na pista! Na Stock, elas provam que automobilismo é para todos

Turismo |
8 de março de 2018

Em uma modalidade em que não há separação por gênero nas competições, mulheres atuam nos mais diversos setores, ocupam espaços no mercado e derrubam estereótipos do esporte a motor

 

Empoderamento e união

Neste momento em que a sociedade reflete tanto a respeito da objetificação das grid girls (que foram abolidas na Fórmula 1 a partir deste ano), a presença de tantas mulheres em postos de grande responsabilidade na Stock reflete apenas o que já acontece na sociedade e no mercado de trabalho no dia a dia.

IMG_4714

As grid girls foram abolidas na F1, mas seguem trabalhando na Stock Car (Foto: Emerson Santos/One Photography Media)

 

Bruna Frazão atua no automobilismo há dez anos, tendo passado também por categorias de rali e motociclismo. Atualmente é coordenadora de planejamento estratégico da Stock Car, responsável direta e indiretamente pelo trabalho de dezenas de pessoas.

¨As meninas (grid girls) são muito estereotipadas, mas a maioria sustenta filhos, faz faculdade, é um trabalho como qualquer outro. Aqui na categoria tem bastante mulher trabalhando. Nós trocamos muita informação e somos bastante respeitadas, o que é muito legal. O nosso público feminino também tem crescido muito, hoje é praticamente um terço do total ¨afirma Bruna, que está grávida de gêmeas.

24128482417_9a9a83e9bf_o

Bruna Frazão, coordenadora de planejamento estratégico da Stock Car, ao lado do piloto Daniel Serra (Foto: Denis Ribeiro / Stock Car)

 

Mulheres na pista

Um dos times mais vitoriosos da Stock Car, com cinco títulos de pilotos, a equipe A. Mattheis é conhecida também por seu padrão de qualidade e organização. Isso também passa pelo trabalho da engenheira de competições Rachel Loh, que chegou à Stock em 2004. Chefiando os mecânicos, os pilotos e os engenheiros de dados, neste ano ela trabalhará diretamente com Bia Figueiredo, recém-contratada.

¨Tenho certeza que o fato de ser mulher me faz falar um pouco mais alto para me impor, mas também me coloco naturalmente na posição de chefe para garantir o respeito das pessoas. Dizem que sou “durona” porque sou muito rígida com relação a horário de reunião, pesagem, essas coisas” diz Rachel.

stockmulheres2fotodudabairros

Mulheres marcam presença em diversos setores da Stock Car (Foto: Duda Bairros / Stock Car)

Se a engenheira prevê “uma parceria forte” com a nova integrante da A. Mattheis, Bia não pensa diferente. A competidora do carro 3 celebra sua chegada a uma equipe de ponta na categoria, indisfarçavelmente feliz com a coincidência de ser chefiada por uma mulher.

“Buscando resultados e crescimento na categoria, é um orgulho me juntar a uma equipe tão vencedora. Quero que a gente faça um ótimo ano juntas. A Rachel é muito organizada, e isso é bom para o profissionalismo do time. O que importa é buscar aqueles milésimos de segundo que ainda faltam” frisa Bia.

rafael_gagliano-27148

Bia Figueiredo e a engenheira Rachel Loh na Stock Car (Foto: Carsten Horst / Stock Car)

A Corrida de Duplas abre a temporada 2018 da Stock Car. O SporTV 2 transmitirá ao vivo o treino classificatório e a corrida. A definição do grid será na sexta-feira, às 11h45. A transmissão da corrida começará às 13h de sábado, com a largada prevista para as 13h30.

26808520818_21822178ce_o

Carros da Stock car no S do Senna, em Interlagos (Foto: Fernanda Freixosa / Stock Car)

 

Fonte: Globo Esporte.com

Texto: Alexander Grunwald

Fotos: Emerson Santos, Fernanda Freixosa, Dênis Ribeiro, Rafael Gagliano e Duda Bairros.



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: