F4 Sul-americana: Pilotos são premiados no Panamá

Fórmula |
18 de janeiro de 2016

O campeão Pedro Cardoso e o vice Rodrigo Pflucker recebem troféus no FIA América Awards, prêmio da divisão do continente americano da Federação Internacional de Automobilismo, por conta do bom desempenho na temporada 2015 da categoria continental

O campeão da temporada 2015 da F4 Sul-americana, o brasiliense Pedro Cardoso, e o vice-campeão, o peruano Rodrigo Pflucker, foram premiados na noite do último sábado (16) no FIA América Awards, premiação da divisão do continente americano da Federação Internacional de Automobilismo, que foi realizada na Cidade do Panamá. Cardoso e Pflucker foram indicados pelas confederações de automobilismo do Brasil e do Peru como os melhores atletas do esporte a motor do ano. Pilotos de 17 nacionalidades de diversas categorias estiveram presentes no evento.

Vencedor da temporada com sete vitórias e 303 pontos, Cardoso tem oito anos de experiência entre o kartismo e o automobilismo. O piloto possui 12 títulos no currículo e se destaca como uma das grandes revelações do esporte no Brasil. ” É um privilégio receber esse prêmio tão importante logo no início de minha carreira no automobilismo. Isso me dá mais motivação para seguir evoluindo e buscar outros prêmios no futuro”, disse o brasiliense, que negocia neste ano uma vaga na F3 Europeia ou GP3.

Já Rodrigo Pflucker, que obteve quatro vitórias na temporada do ano passado, foi o destaque do automobilismo peruano. Com passagens pelo kart e em categorias de Turismo, o piloto foi o vencedor da Copa Argentina da F4 Sul-americana, minitorneio composto pelas três corridas realizadas no país vizinho que entregou um prêmio de 50 mil pesos argentinos (cerca de cinco mil dólares) ao vencedor.

 

“Estou muito feliz pelo reconhecimento de meu país e pelo meu desempenho no ano. Disputamos o título até a última etapa e, em outubro, conquistei a Copa Argentina de Fórmula 4, que foi importante para mim. Agora é dar continuidade à preparação e trabalhar para realizar mais uma boa temporada”, afirmou Pflucker, que correrá pela equipe Cram na Fórmula Renault 2.0 e inicia os treinos em fevereiro.

Além da dupla, o uruguaio Facundo Ferra, que testou um carro da F4 Sul-americana em dezembro e negocia sua participação no campeonato deste ano, também foi premiado devido à conquista do título uruguaio de kart na categoria Sudam/Júnior. “É meu primeiro prêmio internacional e estou muito feliz. Ser selecionado para uma cerimônia desse porte é motivo de orgulho e estou satisfeito por representar meu país”, disse Ferra.

 



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: