Documentário “KART: História de Campeões” busca o resgate da categoria onde nascem os campeões mundiais

Kart |
27 de julho de 2015

Apaixonados pela velocidade voltarão no tempo com depoimentos de grandes pilotos

O berço dos maiores pilotos. É naturalmente nesta categoria que grandes nomes do automobilismo conhecem o esporte, começam a correr e saem lapidados para serem campeões mundiais. Só no Brasil temos três: Emerson Fittipaldi, Nelson Piquet e Ayrton Senna. Estes e muitos outros estão no imaginário popular como pilotos guiando potentes carros de Fórmula 1, mas o início da carreira de todos eles começou dentro de um chassi bem menor, acelerando pequenas máquinas a centímetros do chão: os karts.

Toda a atmosfera e espírito presente nas corridas de kart são retratados no documentário “KART, História de Campeões”. Com uma proposta do diretor Pedro Rodrigues de homenagear o Kart brasileiro e seus heróis, o cineasta busca resgatar o prestígio do esporte. Na opinião da produção, diferente do que acontecia entre os anos 1960 e 1980, quando o país alimentava a tradição no esporte assim como o mundo inteiro, agora o Kart encontra-se no ostracismo.

 

Figueiredo e Rodrigues anos 60

Figueiredo e Rodrigues anos 60


Para contar essa história, o longa-metragem apresenta depoimentos dos pioneiros e profissionais da modalidade que relembraram suas conquistas e frustrações como Emerson e Wilson Fittipaldi, Maneco Combacau, Carol Figueiredo, Guga Ribas, Walter Travaglini, Lúcio Pascual Gascon (Tchê), Terry Fullerton, Angelo Parilla entre outros.

 

Entrevista com Emerson e Wilsinho Fittipaldi (Foto Marco Camargo)

Entrevista com Emerson e Wilsinho Fittipaldi (Foto Marco Camargo)

 

Emerson Fittipaldi com Roiss KART - Anos 60

Emerson Fittipaldi com Roiss KART – Anos 60

 

Walter Travaglini - Kart anos 70

Walter Travaglini – Kart anos 70

 

Além de entrevistas, as animações e as imagens da época ajudam a resgatar os fatos mais marcantes da história do Kart e de seus praticantes, como a estrutura simples das corridas, as competições, a vida dos mecânicos, pilotos, preparadores, fiscais…

 

Tchê e seu filho trabalhando em sua oficina. Documentário também aborda outras profissões envolvidas com o kart.

Tchê e seu filho trabalhando em sua oficina. Documentário também aborda outras profissões envolvidas com o kart.

Uma dessas personalidades é apresentada na figura de Lúcio Pascual Gascon, o Tchê. Engenheiro de formação, o espanhol chegou ao Brasil em 1960, e antes de trabalhar no kartismo e se tornar um dos mais respeitados na modalidade, preparou motores para as Mil Milhas Brasileiras, nas décadas de 60 e 70. Ficou famoso por ter sido, durante 7 anos, o principal preparador de motores de kart de Ayrton Senna, mas também viveu parcerias com Emerson Fittipaldi, Nelson Piquet, Chico Serra, Maurício Gugelmin, Roberto Pupo Moreno e Maurizio Sala.

No documentário, Tchê é um dos principais entrevistados. Gascon abre sua histórica oficina localizada nas proximidades do autódromo de Interlagos para as filmagens, e a produção, por sua vez, explora cada uma das peças penduradas nas paredes, que parecem ter muitas histórias para serem contatas.

 

Tchê trabalha no escritório de sua oficina em São Paulo

Tchê trabalha no escritório de sua oficina em São Paulo

 

Tchê e o diretor Pedro Rodrigues conversam entre as gravações de KART: História de Campeões

Tchê e o diretor Pedro Rodrigues conversam entre as gravações de KART: História de Campeões

 

O piloto que Tchê viu crescer no automobilismo, Senna, também tem destaque no longa de Pedro Rodrigues. Para contar a história no Kart de Ayrton Senna da Silva, Rodrigues volta a 1973, tempos que o Kart impressionava nas pistas. Com grandes imagens da carreira do piloto concedidas pelo Instituto Ayrton Senna, o documentário fará os fãs do piloto voltarem no tempo e saborear a grande fase do kartismo nacional.

 

Senna no sul-americano de Kart

Senna no sul-americano de Kart

 

 

Com uma versão humana das corridas e dos bastidores, Rodrigues capta o fascínio exercido pelos seus praticantes ao mesmo tempo em que trata da categoria mais competitiva do automobilismo mundial.

A produção ainda reserva um tempo para abordar a atualidade, lembrando que a categoria vem crescendo no país e conquistando vários adeptos apaixonados pelo esporte. Há espaço para personagens atuais como os gêmeos Leonardo Henrique e Guilherme Carlos Bettencourt, que se vestem, para correr, como os eternos rivais Ayrton Senna e Alain Prost. O documentário ainda acompanhou o Campeonato Paulista de Kart de 2012/2013 e fala da estrutura e a atmosfera do kart hoje.

 

O documentário também acompanhou competições de kart atuais como o Campeonato Paulista de Kart de 2012/2013

O documentário também acompanhou competições de kart atuais como o Campeonato Paulista de Kart de 2012/2013

 

Ainda sem data de estréia, o longa é uma boa pedida para os amantes da velocidade ou simplesmente aqueles que apreciam bons documentários históricos esportivos. A produção tem o apoio do Instituto Ayrton Senna e da Lei do Audiovisual.

 

Kart: História de Campeões

Kart: História de Campeões

 

Confira uma prévia da produção:

https://vimeo.com/100355164

 

 

Texto: Juliana Bechelli – ClickSpeed
Foto: Marco Camargo/ Divulgação



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: