Copa Petrobras de Marcas: Renan Guerra retorna ao grid pela equipe C2 Team

Turismo |
28 de julho de 2015

Após participar da segunda etapa, no Velopark (RS), piloto dividirá condução do Renault Fluence #07 com Beto Cavaleiro em Curitiba

Após mais de dois meses ausente do grid da Copa Petrobras de Marcas, o piloto Renan Guerra retorna ao campeonato neste fim de semana, na quarta etapa da temporada 2015, que será realizada no Autódromo Internacional de Curitiba. O piloto de 26 anos fechou contrato com a equipe C2 Team e dividirá a condução do Renault Fluence #07 com Beto Cavaleiro. Esta será a segunda prova de Guerra na categoria.

O piloto disputou a segunda etapa da temporada, no autódromo do Velopark (RS), com um Ford Focus da equipe Amir Nasr Racing. Por ser sua estreia no Marcas, Guerra procurou entender as características do carro e utilizou os treinos livres para ter uma rápida adaptação. Largou da pole e estava na liderança da segunda prova, quando teve que diminuir o ritmo por conta de um problema no câmbio e terminou em 12° lugar.

Dona de uma pole e duas vitórias com Gabriel Casagrande, a C2 Team já pode ser considerada uma das principais equipes da competição. Tendo em vista os bons resultados, Guerra acredita que está no lugar certo para dar sequência ao seu aprendizado e vê com bons olhos a mudança de equipamento. Para ele, o Renault Fluence está mais preparado para brigar pelas primeiras posições.

Com bastante experiência em carros de Gran Turismo, Renan Guerra já possui um vasto currículo em campeonatos nacionais. Disputou, entre 2009 e 2013, o GT Brasil e o Trofeo Maserati a bordo de diversos carros dos sonhos e venceu inúmeras provas. Participou também de algumas corridas da MRF – campeonato de monoposto chancelado pela FIA no Oriente Médio e Ásia – e da Fórmula 3 Brasil. Neste ano, o piloto direcionou sua carreira para as competições de Turismo.

Renan Guerra: “O Fluence é um carro muito rápido e competitivo. Os resultados demonstram que a equipe está fazendo um trabalho fantástico. Já vi que a C2 Team tem uma ótima estrutura, com excelentes profissionais, que certamente nos colocarão em condições de brigar por bons resultados. A competitividade do Marcas é evidente pelo alto nível dos pilotos, muitos deles com passagens pela Stock Car. Além disso, a presença das cinco marcas envolvidas deixa o campeonato ainda mais forte”.

Piloto retorna à Copa Petrobras de Marcas pela equipe C2 Team (Divulgação)

Piloto retorna à Copa Petrobras de Marcas pela equipe C2 Team (Divulgação)

Texto: Ricardo Montesano
Foto: Divulgação



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: