CKB: Depois de duas etapas ausente, César Valero retorna em grande estilo vencendo a 6ª etapa da Bateria B da categoria Estreantes

Kart Amador |
5 de agosto de 2015

A 6ª etapa da categoria Estreantes da Copa KART BRASIL foi disputada em 19 de julho no Kartódromo Internacional Nova Odessa no traçado Monza, percorrido no sentido anti-horário. A categoria contou com 40 participantes, os quais foram divididos em duas baterias: Estreantes A e Estreantes B. A divisão das baterias levou em consideração a colocação dos pilotos na pontuação do campeonato após a 5ª etapa. A categoria Estreantes B apresentou um grid de 21 pilotos que disputaram 32 voltas de corrida encerrando as atividades do dia. A prova foi muito disputada: Danilo Zolezi dominou a tomada de tempos e a 1ª parte da corrida, mas foi atrapalhado por um retardatário perdendo algumas posições e a vitótia para César L. Z. M. Valero.

 

César L. Z. M. Valero conquistou a sua 1ª vitória na temporada depois de ausentar-se nas duas etapas anteriores, correndo pela 1ª vez na Bateria B da categoria desde a sua divisão pela colocação dos pilotos no campeonato ocorrida na 2ª etapa. César se manteve na 2ª colocação até a metade da prova atrás de Danilo Zolezi, atingindo-o quando alcançaram um retardatário que atrapalhou Zolezi. César sofreu uma punição pelo lance. A partir de então, disputou com Ari Alamo a liderança até a bandeirada. Rodrigo Matos foi o 3º colocado depois de uma boa briga com Wellington Duarte no início da corrida. Danilo Zolezi salvou um lugar ao pódio com a 5ª colocação, mas não escondeu a sua frustração por ser atrapalhado quando estava na liderança em busca de seu 1ª triunfo na categoria.

 

Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)

 

Tomada de Tempos

 

Danilo Zolezi obteve a sua 1ª pole-position da temporada marcando o tempo de 44.200 em sua melhor volta no penúltimo giro do treino e dividiu a 1ª fila com Rafael D’Agostini, que cravou o tempo de 44.261 na última volta. César L. Z. M. Valero ficou com a 3ª colocação com o tempo de 44.288, largando ao lado de Matheus Mota na 2ª fila, com 44.308. Na 5ª posição alinhou Ari Alamo, com o tempo de 44.309, 0.01s de diferença em relação à César. Wellington Duarte largou na 6ª colocação, com 44.312. Igor Brunelli abriu a 4ª fila com o tempo de 44.318, seguido de Joariane Alves, com 44.577. Péricles Nunes com o tempo de 44.586 partiu da 9ª posição na 5ª fila com Rodrigo Matos, que com a marca de 44.634 fechou os dez primeiros na grelha de partida.

 

Carlos H. de Oliveira largou na 11ª posição com o tempo de 44.669. Note-se que a diferença entre o 1º e o 11º colocado foi de apenas 0.469, ou seja, 11 karts em menos de 0,5s na bateria B da categoria que é a porta de entrada para os pilotos da Copa KART BRASIL. Ao lado de Carlos Henrique na 6ª fila tivemos Jean Oliveira, com o tempo de 44.788. Leandro E. Cerbi obteve a 13ª colocação com 44.866 e teve ao seu lado Luiz A. A. Andrade, com 45.019. Robinson Cruz abriu a 8ª fila com 45.046, ficando o 16º lugar para Douglas Prado, com o tempo de 45.114. Eduardo S. Yamamoto largou em 17º com o tempo de 45.187, adiante de Murilo Yamamoto, com 45.275. Completaram o grid, na ordem: Everaldo Tozzi, com 45.316; Alessandro Lazzareschi, com 45.432; e Eduardo Gaspar com 45.838.

 

Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)

 

Corrida

 

Dada a largada Danilo Zolezi partiu da pole-position para liderar o grupo na 1ª volta (#37 – foto abaixo) adiante de Matheus Mota (#10), que pulou de 4º no grid de largada para 2º. Rafael D’Agostini (encoberto) era o 3º colocado, mas abandonaria a prova ainda no 1º giro. Wellington Duarte (#47) surgia na 4ª posição, depois de ter largado em 6º, e seguia adiante de César L. Z. M. Valero. Ari Álamo era o 6º colocado à frente de Igor Brunelli, Péricles Nunes, Rodrigo Matos e Joariane Alves, os 10 primeiros. Carlos H. Olvieira ocupava a 11ª colocação, adiante de Jean Oliveira, Robinson Cruz, Douglas Prado e Luiz A. A. Andrade, o 15º. A partir da 16ª posição a ordem era: Everaldo Tozzi, Alessandro Lazzareschi, Murilo Yamamoto, Leandro E. Cerbi, Eduardo S. Yamamoto e Eduardo Gaspar.

 

Na 2ª volta César L .Z. M. Valero já era o 3º colocado, atrás do líder Danilo Zolezi e de Matheus Mota, que escaparia da pista sozinho na 5ª volta depois da curva 3, indo de encontro à barreira de pneus, ficando com o kart imobilizado e precisando da ajuda do fiscal de pista para voltar apenas na 16ª colocação na passagem da 6ª volta. A essa altura da prova a liderança continuava sendo ocupada por Danilo Zolezi, seguido de César L.Z. M. Valero e Ari Alamo, o 3º colocado, que havia ultrapassado Wellington Duarte na 3ª volta. Também na 6ª volta, Rodrigo Matos ultrapassou Igor Brunelli para ocupar a 5ª colocação. Jean Oliveira era o 7º colocado, adiante de Carlos H. Oliveira, Douglas Prado e Péricles Nunes, fechando os 10 primeiros.

 

Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)

 

Na 8ª volta o trio Danilo Zolezi/César L. Z. M. Valero/Ari Álamo continuava dominando a corrida, mas Rodrigo Matos já surgia na 4ª colocação à frente de Wellington Duarte. Igor Brunelli mantinha-se na 6ª posição, que ocupava desde a 2ª volta, adiante de Carlos H. Oliveira, que ultrapassou Jean Oliveira nessa volta, o mesmo acontecendo com Péricles Nunes, que superou Douglas Prado na disputa pela 8ª colocação. Joriane Alves seguia no 11º posto adiante de Robinson Cruz, Murilo Yamamoto e Everaldo Tozzi. Matheus Mota já era o 15º colocado superando Luiz A. A. Andrade nessa volta. Fechavam o pelotão, na ordem: Leandro E. Cerbi, Eduardo S. Yamamoto, Alessandro Lazzareschi e Eduardo Gaspar.

 

Com a corrida chegando à sua metade, atingindo a 16ª volta, aconteceu o lance mais polêmico da etapa. Danilo Zolezi (#37 – foto abaixo), o líder, já alcançava os primeiros retardatários e ao efetuar uma ultrapassagem foi atrapalhado e atingido por César L. Z. M. Valero (#20), o que acarretou a César uma punição de 5 pontos no campeonato por atitude anti-desportiva. Com o entrevero, César assumiu a ponta e já era o novo líder na 17ª passagem, adiante de Ari Alamo (#28), que o perseguia muito de perto. Rodrigo Matos se estabelecera na 3ª colocação à frente de Wellington Duarte e de Igor Brunelli, os 5 primeiros até então. Danilo Zolezi caiu da liderança para a 6ª colocação, seguindo adiante de Carlos H. Oliveira, Jean Oliveira, Douglas Prado e Péricles Nunes concluindo os 10 primeiros.

 

Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)

 

Na 22ª volta Danilo Zolezi ultrapassou Igor Brunelli para ocupar a 5ª colocação atrás de César L. Z. M. Valero, Ari Alamo, Rodrigo Matos e Wellington Duarte, os quatro primeiros. Carlos H. Oliveira ocupava a 7ª colocação adiante de Jean Oliveira. Douglas Prado voltou para a 9ª colocação nessa volta devolvendo a ultrapassagem que sofrera de Péricles Nunes. Joriane Alves continuava na 11ª posição à frente de Robinson Cruz, Murilo Yamamoto e Everaldo Tozzi, com Luiz A. A. Andrade fechando os 15 primeiros. Concluíam o pelotão, na ordem, a partir do 16º posto: Eduardo S. Yamamoto, Alessandro Lazzareschi, Leandro E. Cerbi, Eduardo Gaspar e Matheus Mota, que teve que trocar de kart na 19ª volta por motivo de quebra.

 

A corrida foi encaminhando-se para o seu final e a disputa entre César L. Z. M. Valero e Ari Alamo continuava quente pela liderança na 28ª volta. Não dava para arriscar um palpite de quem seria o vencedor e se as táticas de defesa de César seriam suficientes para conter o ímpeto de Ari, que pressionava esperando um erro do adversário. Rodrigo Matos, o 3º colocado, estava distante dos dois ponteiros e tinha uma distância segura de cerca de 2s em relação a Wellington Duarte o 4º colocado. Danilo Zolezi se esforçava para alcançar Wellington, mas o pouco tempo que faltava para o término da prova jogava contra ele. Igor Brunelli se mantinha a frente de Carlos H. Oliveira, o 7º colocado. Jean Oliveira, Douglas Prado e Péricles Nunes concluíam o bloco dos 10 primeiros.

 

Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)

 

A luta pela liderança entre Cézar L. Z. M. Valero e Ari Alamo durou até a bandeirada (foto acima), com a vitória de César por uma diferença de apenas 0.5s em relação a Ari, o 2º colocado. Os dois abriram uma vantagem de 10.0s para Rodrigo Matos, que conquistou a 3ª posição à cerca de 2.5s adiante de Wellington Duarte, que obteve uma boa 4ª colocação. Danilo Zolezi salvou um lugar ao pódio lutando muito nas voltas finais para alcançar Wellington. Carlos H. Oliveira se segurou à frente de Igor Brunelli no finalzinho da corrida para obter o 7º lugar, apenas 1,3s adiante do adversário na linha de chegada. Igor, por sua vez, não teve ameaçada a sua 8ª colocação por Jean Oliveira nos giros derradeiros da prova, cruzando a bandeira quadriculada 7.0s à sua frente.

 

A luta pela 9ª colocação entre Péricles Nunes (#25 – foto acima) e Douglas Prado (#17) durou até a última volta, quando Péricles conseguiu efetuar a ultrapassagem em cima de Douglas. A notar que a disputa entre os dois demonstrou o espírito de lealdade entre pilotos do Clube KART BRASIL desde as categorias de base, como mostra a foto acima onde Péricles se desculpa com Douglas recebendo o “positivo” do adversário. A 11ª colocação foi obtida por Joriane Alves à frente de Murilo Yamamoto, que ultrapassou Robinson Cruz na 26ª volta. Everaldo Tozzi ficou com a 14ª colocação à frente de Luiz A. A. Andrade, Alessandro Lazzareschi, Eduardo S. Yamamoto, Leandro E. Cerbi, Eduardo Gaspar e Matheus Mota.

 

Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)

 

Resultados

 

César L. Z. M. Valero (#20 – foto abaixo) ficou ausente de 2 etapas da Copa KART BRASIL e retornou em grande estilo vencendo a 6ª etapa da Bateria B da categoria Estreantes. César largou na 3ª posição e passou para a vice-liderança da prova na 5ª volta com a escapada de pista de Matheus Mota, o 2º colocado àquela altura. Passou a perseguir o líder Danilo Zolezi até o 16º giro, quando Zolezi foi atrapalhado por um retardatário. César acabou atingindo o líder e o ultrapassando na ocasião, manobra que lhe rendeu uma punição por atitude anti-desportiva pela direção de prova. Já na liderança desde a metade da corrida soube segurar os ataques de Ari Alamo (#28) até o final. César comemorou muito a sua primeira vitória em eventos do Clube KART BRASIL.

 

Ari Alamo começou a participar da categoria Estreantes da Copa KART BRASIL apenas na 3ª etapa e conquistou o seu melhor resultado da temporada: o seu 1º pódio do ano com a 2ª colocação conquistada nesta prova. Ari largou na 5ª colocação e passou a 1ª volta em 6º lugar. Com a desistência de Rafael D’Agostini na 1ª volta já era o 5ª colocado na 2ª volta, ultrapassando Welington Duarte na seguinte para ser o 4º colocado. Com a escapada de pista de Matheus Mota foi promovido para a 3ª colocação, atrás do então líder Danilo Zolezi e de César L. Z. M. Valero. Ari ocupou a 3ª posição até a 16ª volta, quando Zolezi foi atrapalhado por um retardatário e sofreu um toque de César perdendo várias posições. Ari saiu ileso do episódio e seguiu perseguindo César até a bandeira quadriculada.

 

Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)

 

A 3ª colocação foi conquistada por Rodrigo Matos (#51 – foto abaixo), que já havia subido ao pódio na 3ª etapa em seu 3º degrau e ficou de fora das 4ª e 5ª etapas da Copa KART BRASIL. Rodrigo Matos largou na 10ª colocação e já passou na 1ª volta ocupando a 9ª, passando para o 7º lugar na volta seguinte. Na 6ª volta foi beneficiado pela escapada de pista do 2º colocado Matheus Mota e ultrapassou Igor Brunelli nesse mesmo giro para assumir a 5ª colocação. Superou Wellington Duarte na 8ª volta para assumir a 4ª colocação, sendo promovido para o 3º posto quando o líder Danilo Zolezi foi atrapalhado por um retardatário. Rodrigo manteve a 3ª colocação até o final com tranquilidade, sem se envolver na luta pela liderança, mas sem ser ameaçado por Wellington Duarte.

 

Wellington Duarte obteve o seu melhor resultado do ano com a 4ª posição nesta etapa, sendo também o seu 1º pódio na temporada na categoria Estreantes. Wellington partiu da 6ª colocação no grid de largada e já surgiu no 4º lugar no fechamento da 1ª volta. Foi ultrapassado por Ari Alamo na volta seguinte e voltou para o 4º lugar com escapada de pista do 2º colocado Matheus Mota na 6ª volta. Na 8ª volta foi ultrapassado por Rodrigo Matos e reassumiu a 4ª colocação quando o então líder da prova, Danilo Zolezi, foi atrapalhado por um retardatário na 16ª passagem, perdendo várias posições. A partir daí se consolidou no 4º posto até o final da prova, mantendo um bom ritmo para evitar o ataque de Danilo Zolezi.

 

Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)

 

O 5º lugar no pódio obtido por Danilo Zolezi teve um gosto amargo, uma vez que foi atrapalhado por um retardatário quando liderava a prova já atingida a sua metade. Zolezi largou na pole-position e dominou a corrida até a 16ª volta, quando além de ser atrapalhado por um retardatário foi atingido por César L. Z. M. Valero, caindo para a 6ª colocação. Ultrapassou Igor Brunelli na 22ª volta e saiu no encalço de Wellington Duarte, sem conseguir alcançá-lo até o fim da prova. Carlos H. Teixeira foi o 6º colocado depois de ter largado na 11ª posição e ter empreendido um bom ritmo na corrida. No início teve uma boa disputa com Douglas Prado, o superando para conquistar a 8ª colocação. Na 8ª volta ultrapassou Jean Oliveira e a quatro voltas do final foi a vez Igor Brunelli.

 

Igor Brunelli foi o 7º colocado. Igor largou na mesma posição em que chegou, passando a 1ª volta na 6ª colocação. Foi para o 5º lugar na 16ª volta quando o líder Danilo Zolezi foi atrapalhado por um retardatário e acabou voltando na pista logo atrás dele, o ultrapassando na 22ª volta. Ainda perdeu o 6º lugar a três giros do final quando foi superado por Carlos H. Oliveira. Jean Oliveira terminou a prova na 8ª posição, onde permaneceu desde a 8ª volta. Péricles Nunes obteve a 9ª colocação depois de disputar posições com Douglas Prado por praticamente durante toda a corrida, superando Douglas em definitivo apenas na última volta em uma disputa muito limpa e acirrada entre os dois. Douglas completou os 10 primeiros da bateria da categoria.

 

Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)Clube KART BRASIL (Foto: Camila Silvério)
Texto: Márcio Gessoni
Fotos: Camila Silvério


Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: