Campeonato de Verão entra na reta final

Fórmula |
5 de fevereiro de 2016

Rodrigo Baptista está conseguindo melhorar o seu carro

Torneio de verão disputado em 15 provas na Nova Zelândia, o Toyota Racing Series aproxima-se do final cada vez mais competitivo e equilibrado. Neste final de semana (06 e 07/2) será disputada a quarta e penúltima rodada tripla, no Bruce McLaren Motorsport Park, em Taupo. A liderança é do inglês Lando Norris, com 518 pontos, seguido de Pedro Piquet, com 466 pontos. Entre os outros brasileiros, Bruno Baptista aparece em 14º, com 227, e Rodrigo Baptista (HTPro Nutrition) em 16º, com 188 pontos.

“Está sendo um excelente aprendizado para mim, que talvez seja um dos pilotos com menos experiência do grid. Quero continuar somando quilometragem com um carro diferente, visitando pistas desconhecidas e bem diferentes uma da outra, e batalhando com pilotos de alto nível. Sairei daqui muito melhor preparado para os desafios que terei este ano na minha estreia na Europa”, acredita Rodrigo Baptista, que estreou no automobilismo no ano passado, vencendo corridas na Fórmula 3 Brasil e na Copa Petrobras de Marcas.

As três provas desta semana serão realizadas em circuito de 3,32 km, com mudança de elevação entre 4 e 5 metros, no sentido anti-horário. O autódromo de Taupo, que já recebeu provas da A1GP, com o piloto de Stock Car Sérgio Jimenez defendendo o Brasil em 2008, tem uma reta de 830 metros em descida, com 17 metros de largura, que proporciona velocidade máxima, vácuo e a possibilidade de ultrapassagem com mais de dois carros lado a lado. Ao final da reta as curvas nove e 10 são apertadas e lentas, um desafio para as freadas e ultrapassagens antes da bandeirada.

“É um circuito bem seletivo, com curvas de alta, média e baixa velocidade, com vários Esses. A melhor pista que visitamos até agora”, atesta Jimenez, que está na Nova Zelândia atuando como coach de Rodrigo Baptista. “Acho que vai ser bom aqui. O começo foi bom, já estou andando no meio do pelotão e mais perto dos ponteiros. No primeiro treino fiquei em 11º, mas dava pra ir melhor”, comenta o piloto apoiado pela HTPro Nutrition. “Estamos melhorando o carro e vamos fazer algumas mudanças que devem melhorar bastante até a classificação”, completa Rodrigo.


O Toyota Racing Series é disputado por pilotos de 13 países. Utiliza monopostos com chassi do Fórmula 3 italiano Tatuus, com motor Toyota de 1.800 cc, produzindo 215 hp de potência, câmbio sequencial de seis marchas e pneus Michelin. Os motores e sistemas de gerenciamento de computador são selados, e os 19 pilotos estão divididos em apenas quatro equipes, o que provoca um equilíbrio e competitividade muito grandes.

Horários (Brasília) do fim de semana em Taupo:
Quinta-feira – 04/2
19h30 – Treino Livre – 30 minutos
22h30 – Treino Livre – 30 minutos

Sexta -05/2
00h00 – Treino Livre – 30 minutos
20h00 – Classificação Corrida 10 – 15 minutos
20h20 – Classificação Corrida 12 – 15 minutos

Sábado – 06/2
00h00 – Corrida 10 – 15 voltas
20h00 – Corrida 11 – 15 voltas
Domingo – 07/2
00h00 – Corrida 12 – 20 voltas

 

Pontuação do Toyota Racing Series após as nove primeiras etapas: 1) Lando Norris (Inglaterra), 518; 2) Pedro Piquet (Brasil), 466; 3) Jehan Daruvala (Índia), 463; 4) Guanyu Zhou (China), 460; 5) Brendon Leitch (Nova Zelândia), 449; 6) Ferdinand Habsburg (Áustria) e Artem Markelov (Rússia), 439; 8) James Munro (Nova Zelândia), 320; 9) Antoni Ptak (Polônia), 303; 10) Taylor Cockerton (Nova Zelândia), 289; 11) Devlin DeFrancesco (Canadá), 259; 12) Kami Laliberte (Canadá), 233; 13) Timothe Buret (França), 228; 14) Bruno Baptista (Brasil), 227; 15) William Owen (EUA), 206; 16) Rodrigo Baptista (Brasil), 188; 17) Nicolas Dapero (Argentina), 172; 18) Theo Bean (EUA), 152; 19) Julian Hanses (Alemanha), 138.



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: