Aos 7 anos, Lucca Rossi se emociona ao vencer sua 1ª corrida de kart

Kart |
3 de março de 2016

Kartista compete na categoria Mirim da Copa São Paulo de Kart KGV e provou já na primeira etapa que é candidato ao título

 

 

Para entender as lágrimas que o Lucca Rossi deixou cair ao vencer sua primeira corrida da carreira, é preciso conhecer a recente, mas já intensa história do piloto no kartismo.

No último sábado, antes de chegar ao Kartódromo Internacional Granja Viana, para a disputa das provas da categoria Mirim, o jovem piloto de apenas 7 anos, Lucca Rossi teve que passar por algumas etapas anteriores.

O pai do piloto, Mário Sérgio é quem conta a introdução do filho no esporte a motor: “O Lucca ganhou o kart aos 4 anos e começou a dar as primeiras aceleradas em ruas interditadas e estacionamentos de mercado. Algumas vezes, eu o empurrava com o kart desligado”, relatou Sérgio. “Com 5 anos, levamos ele para andar em um kartódromo de verdade, o da Aldeia da Serra. Nesse dia, quando voltávamos para casa e ele, que é muito falante, nos disse: ‘Já decidi: quero ser mesmo piloto’”, contou sorridente o pai.

A partir daí, a família comprou a ideia e sonhou junto com Lucca. Passaram a levá-lo com mais frequência ao kartódromo Granja Viana, inscrevendo o garoto nas últimas 3 etapas da Copa SP ( 2015) para ganhar experiência para o ano que chegou.

No último dia 27 (sábado), Lucca encarou seu primeiro desafio na ainda curta carreira. Depois de 2 quintos lugares que conquistou nas etapas de adaptação no ano passado, Rossi queria alçar vôos muito mais altos agora. E voou.

No qualify, por pouco não conquista a Pole Position. Ela ficou com Gabriel Moura que cravou o tempo 00:57.050. Rossi conquistou o direito de largar em 2º com 00:57.218, diferença de 0.168 para Moura.

Na primeira bateria, Rossi saia com a posição favorável, mas perdeu rendimento no decorrer da prova chegando a ficar em 6º. Nesse momento, o jovem piloto mostrou que mesmo com a pouca idade é possível demonstrar experiência e com paciência soube recuperar as posições volta após volta.

A recuperação foi tão boa que no fim da corrida, Rossi estava entre os primeiros e havia feito a volta mais rápida da prova com 00:57.426. Mais uma vez soube avaliar a hora certa de atacar o líder da prova Fabrício Filho, conseguir a ultrapassagem e garantir a sua primeira vitória na carreira. Na área de dispersão, Rossi não segurou as lágrimas e foi amparado pelos colegas pilotos.

“Fiquei emocionado e feliz, principalmente porque consegui recuperar as posições que tinha perdido no começo da corrida e vencer a prova”, disse Lucca Rossi.

Já garantindo 17 pontos pela vitória na corrida inaugural, Rossi foi novamente para a pista a fim de se garantir na liderança dos Mirins na segunda bateria. Largando em 1º, teve um problema mecânico. O cabo do acelerador soltou, deixando-o sem arranque. Terminou em 10º, somando assim 23 pontos na primeira etapa da Copa São Paulo.

O próximo compromisso de Lucca será no sábado, 12 de março, na 2ª etapa da Copa São Paulo KGV. Depois o piloto vai a Interlagos no dia 02/04 pela Light e 09/04 pelo KGV.

“Faremos como preparação para o Campeonato Brasileiro duas etapas do campeonato paraibano que vão acontecer já na pista do brasileiro”, explicou o pai que aposta em uma boa performance do filho no torneio nacional que acontece em julho no Circuito Paladino, em João Pessoa, Paraíba.

Também no segundo semestre, Lucca se programa para iniciar os treinos com karts de motores da Rotax, correndo na categoria Micro Max.

Foto de capa: Sidnei Silveira



Compartilhe esta notícia nas Redes Sociais: